Contabilidade – Passivo a Descoberto – Conceito

A origem do Passivo a Descoberto está relacionada ao Patrimônio Líquido, que por sua vez, compreende os recursos próprios da entidade e cujo valor é a diferença positiva entre o valor do Ativo e o do Passivo Circulante somado ao Exigível a Longo Prazo. Portanto, o valor do Patrimônio Líquido pode ser positivo, nulo ou
negativo.

De acordo com a Resolução CFC nº 1.049/2005 (que alterou a NBC T 3 – Conceito, Conteúdo, Estrutura e Nomenclatura das Demonstrações Contábeis), quando o valor do Passivo for maior que o valor do Ativo, o resultado é denominado Passivo a Descoberto.

Portanto, nestes casos, a expressão Patrimônio Líquido deve ser substituída por Passivo a  Descoberto.