Notícias


Silas Rondeau descarta falta de energia a partir de 2009

BRASÍLIA (Reuters)

O ministro de Minas e Energia, Silas Rondeau, voltou a defender nesta quarta-feira que não há risco de falta de energia no país a partir de 2009 e criticou o setor privado.

Para ele, alguns setores estão buscando pressionar o governo com previsões mais pessimistas na tentativa de garantir preços maiores.

“Tem um grupo que quer a energia mais cara possível e eu estou preocupado com o consumidor”, afirmou Rondeau, após participar de evento na Câmara dos Deputados em comemoração do 52o aniversário da Petrobras .

O ministro não quis fazer previsão de quantas usinas novas, que ainda precisam de licenciamento ambiental prévio, vão ser oferecidas no leilão de energia previsto para meados de dezembro. Ele apenas disse que está trabalhando para garantir o maior número possível de empreendimentos.
De início, o governo pretendia vender 17 projetos de novas usinas, mas apenas quatro delas têm licenciamento ambiental, como prevê a lei.

(Por Patrícia Duarte)