Notícias


Secretária da Receita diz que atendimento ao cidadão vive um caos

O Globo Online

Agência Brasil

BRASÍLIA – A secretária da Receita Federal, Lina Vieira, propôs nesta terça-feira que os funcionários melhorem o atendimento ao cidadão o que, segundo ela, tem trazido alguns "constrangimentos" depois da criação da chamada Super Receita, resultante da fusão da Receita Federal com a Receita Previdenciária.

Ela reconheceu a necessidade de uma carreira fazendária para que os servidores que permaneceram "encontrem uma luz na organização que os acolheu". Ela afirmou que funcionários insatisfeitos com a transferência para a Receita estão voltando para a Previdência.

– Eu sei que muitos servidores estão magoados com a forma como foram recebidos na organização. Nós precisamos abrir a nossa casa e recebê-los bem. Foi a orientação que recebemos. Quando cheguei à casa, a fusão já tinha acontecido. Não vivi esse momento. Mas sinto, pelo que estamos colhendo, que algumas coisas não foram bem feitas nessa área de pessoal – admitiu.

De acordo com ela , agora é preciso um preocupação maior com a situação pois as organizações são feitas de pessoas.

– Você tem que liderar com competência e entender da alma humana para conduzir bem uma organização. Lamentamos esses acontecimentos. Estamos correndo atrás do prejuízo [para solucionar] o caos que estamos vivendo na ponta – disse, referindo-se ao atendimento.

A secretária anunciou que já existe uma consulta na Procuradoria-Geral da Fazenda sobre as atribuições da carreira, já que o decreto de fusão prevê atribuições exclusivas da carreira. Outra preocupação da secretária é com as diferenças salariais, já que há funcionários que vieram da Receita Previdenciária que não receberão a mesma remuneração dos colegas da Receita Federal.

Sobre a saída de Jorge Rachid, Lina Vieira afirmou ter sido uma perda, porque o ex-secretário fez um "excelente trabalho enquanto ficou à frente da Receita Federal", mas que a temporariedade no cargo e as mudanças são salutares para que as pessoas tenham a chance de "um dia" administrar o órgão. Esta foi a primeira vez que a nova secretária falou em público sobre as mudanças na Receita.

– Acho importante essa visão. Não temos que ficar só lastimando. Temos que aproveitar o que transcorreu com muito êxito. Com muita competência – disse.

Lina Vieira participou da abertura do Seminário sobre Planejamento Estratégico do período 2008-2011 organizado pela Coordenação-Geral de Tributação, em Brasília.