Notícias


Seca afeta 59% da Paraíba e Estado aciona prefeitos

Jornal da Paraíba

Governo convoca gestores de 191 municípios para elaborar Plano de Enfrentamento à Seca.

O Governo da Paraíba convocou os prefeitos de 191 municípios para elaborar um Plano de Enfrentamento à Seca com o objetivo de minimizar os efeitos da estiagem prevista para este ano em várias regiões do Estado. A reunião entre o governador Ricardo Coutinho e os gestores municipais está marcada para a próxima quinta-feira no Espaço Cultural, em João Pessoa. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, 133 cidades mais atingidas pela estiagem podem ter a situação de emergência decretada até amanhã.

A estiagem já atinge 59,6% dos 223 municípios paraibanos, afetando principalmente as regiões do Cariri, Sertão e Curimataú.

“Identificamos 191 municípios que podem ser afetados pelo problema, mas fizemos um levantamento com a Defesa Civil que aponta a existência de 133 municípios que já estão enfrentando situações de estiagem. Vamos avaliar cada caso, o Governo poderá decretar emergência nos 133 ou não. Até sexta teremos esta resposta”, informou João Azevedo, secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos da Paraíba.

Segundo a Defesa Civil Estadual, nove municípios já formalizaram o pedido para que seja decretada situação de emergência, mas o pedido ainda depende de análise do governo.

No Sertão foram cinco cidades, Cacimba de Areia, Piancó, Santa Cruz, São Francisco e São José da Lagoa Tapada. Já na região da Borborema, o pedido foi feito pelas prefeituras de Santa Luzia, São José do Sabugi e São Mamede.

A cidade de Soledade, no Agreste, fecha a lista. Quem chega ao município pela BR-230 se depara com vários açudes com pouca água e muitos animais já sofrendo com a diminuição do peso devido à estiagem. “A situação é preocupante e o Estado já está trabalhando para minimizar os problemas”, disse João Azevedo.