Notícias


PB deve perder R$ 276 mi com 10 feriados este ano

Jornal da Paraíba - Leia e decida

Estudo mostra que setor produtivo do Estado terá a quarta maior perda do Nordeste

Demócrito Garcia

Os dez feriados nacionais que a Paraíba terá em 2012 devem gerar a perda de R$ 276 milhões ao setor produtivo. O alerta foi feito pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), no estudo "O Custo Econômico dos Feriados". No país, os feriados irão custar R$ 44,9 bilhões.

Os estados mais industrializados são os que deverão ter maiores perdas com os feriados nacionais e estaduais. Em São Paulo a conta chega a R$ 14,6 bilhões e no Rio de Janeiro (R$ 5,04 bilhões), enquanto Minas Gerais pode deixar de produzir R$ 3,6 bilhões, enquanto o Rio Grande do Sul, os prejuízos serão de R$ 2,9 bilhões. Em termos relativos, entretanto, as maiores perdas são estimadas no Rio de Janeiro e Acre, “porque têm mais feriados estaduais em dias de semana, além dos feriados nacionais, que também caem em dias úteis".

Como em 2011, a Paraíba não terá feriados estaduais em dias da semana, deverá ser o quarto estado do Nordeste com maior perdas na indústria. A Bahia, com prejuízos previstos em R$ 1,8 bilhão, e o Ceará, deixando de faturar R$ 757 milhões encabeçam a lista de maiores perdas na Região. Antes da Paraíba, ainda está o estado de Pernambuco, que terá R$ 713 milhões a menos no PIB industrial.

Para o presidente do Centro das Indústrias do Estado da Paraíba (Ciep), João da Mata, os prejuízos no setor se dão pelas pausas na produção. "Além do dia perdido, os feriados provocam uma baixa no ritmo das empresas e a retomada é sempre complicada", explica. O presidente da Ciep ainda destaca que semanas como as de Carnaval e a Semana Santa são tidas como se tivessem feriados em todos os dias, prejudicando ainda mais a produção das empresas.

A alternativa defendida pelo representante das indústrias paraibanas é da relocação das folgas de feriado para os dias próximos ao fim de semana. "Se as comemorações fossem feitas nas segundas ou sextas-feiras, o prejuízo seria reduzido, mas ainda assim não seria evitado", pondera.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de João Pessoa (CDL-JP), Eronaldo Maia, destaca que esta medida era adotada tradicionalmente com os feriados. "É complicado mudar datas como a da Independência e o Dia do Trabalho, mas seria de grande valia para nosso Estado", relatou.

Tramita na Câmara dos Deputados Projeto de Lei que prevê a antecipação da comemoração dos feriados que ocorrerem no meio da semana.

<!–

You know the golden rule, don’t you boy? Those who have the gold make the rules.

⎯ Aladdin

–>