Notícias


Número de cheques devolvidos é o maior desde julho de 2009

Diário da Paraíba

O percentual de cheques devolvidos, considerando-se devolução por falta de fundos, foi de 2,15% em maio. Em abril, a proporção registrada foi de 2,04%. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira pelo Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC). O número é o maior registado desde julho de 2009, quando foi de 2,17%.

Segundo o levantamento, o percentual de maio é maior do que o registrado no mesmo período de 2011, quando o número de cheques devolvidos atingiu 1,96% do total dos emitidos. A entidade afirma ainda que as devoluções têm apresentado tendência de alta desde outubro de 2010.

No acumulado do ano até maio, o percentual de cheques devolvidos foi de 2,04% contra 1,90% no mesmo período do ano passado.

Dados da Boa Vista Serviços mostram também que o número de cheques devolvidos (segunda devolução) no mês de maio aumentou 9,6% em relação a abril de 2012. No mesmo período houve aumento menor dos cheques movimentados (3,8%), contribuindo para a piora (aumento no percentual) do índice.

Infomoney