Notícias


Juro do cheque especial tem alta ‘insignificante’ em janeiro, diz Procon

G1 o portal de notícias da Globo

Taxa média subiu 0,01 ponto percentual, para 8,79%.
Juros do empréstimo pessoal ficaram estáveis em 5,17%.

Após registrar queda em dezembro, a taxa média de juros cobrada pelos bancos no cheque especial registrou uma alta de 0,01 ponto percentual em janeiro, segundo os dados do Procon, que considerou a variação “insignificante”. A taxa média, que ficara em 8,78% ao mês em dezembro, passou a 8,79%.

A alta reflete a elevação dos juros cobrados pela Caixa Econômica Federal, que alterou sua taxa de 6,72% para 6,75% ao mês. Nos demais bancos pesquisados, (Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Itaú, Nossa Caixa, Real, Safra, Santander e Unibanco), a taxa permaneceu estável.

Taxas de juros praticadas em janeiro(ao mês)
Bancos Empréstimo pessoal Cheque especial
Banco do Brasil 4,48% 7,65%
Bradesco 5,34% 8,24%
Caixa Econômica Federal 4,39% 6,75%
HSBC 4,61% 9,34%
Itaú 5,86% 8,59%
Nossa Caixa 4,48% 7,65%
Real 5,63% 9,38%
Safra 5,40% 12,30%
Santander 5,63% 9,38%
Unibanco 5,86% 8,59%

Fonte: Procon-SP

Também não tiveram variação as taxas de juros cobradas pelos bancos no empréstimo pessoal: o juro médio ficou em 5,17% em janeiro – o mesmo registrado no último mês de 2009.

Leia mais notícias de Economia e Negócios