Notícias


Jornal aponta confusão entre Fifa e Receita Federal

PORTAL TERRA

A realização da Copa do Mundo de 2014 no Brasil sofre mais um impasse, segundo a colunista Mônica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo. De acordo com a publicação, o Ministério da Fazenda discorda da exigência da Fifa de não pagar impostos na competição – isenção que seria estendida a todos os fornecedores do torneio – e sua postura vai de encontro a do Ministério do Esporte, que alega ser um dos compromissos assumidos pelo País para sediar o evento.

Ainda de acordo com o jornal, a Receita Federal preparo uma proposta de isenção de impostos à Fifa e a encaminhou ao ministro do Esporte, Orlando Silva, para ser discutida com o comitê organizador da Copa. O órgão público quer limitar o reembolso de impostos aos fornecedores do Mundial de 2014, enquanto a Fifa defende o retorno completo dos gastos.

Nas últimas semanas, outro impasse envolvendo Fifa e brasileiros tomou conta do noticiário: uma possível reprovação ao Morumbi, do São Paulo, pré-escalado para receber a Copa. Depois de o assunto ser repercutido entre a diretoria são-paulina e o secretário geral da Fifa, Jérôme Valcker – um dos maiores críticos do estádio -, o tema esfriou entre as partes.