Notícias


INSS cancela pagamento de 31 mil benefícios de aposentados e pensionistas

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) suspende, nesta segunda-feira, 31.047 benefícios de aposentados e pensionistas. O cancelamento está sendo feito em cumprimento ao procedimento de anular benefícios de segurados que responderam ao Censo Previdenciário por procuradores e tutores, mas que não foram localizados pelos servidores do INSS nos endereços declarados.

O Ministério da Previdência informa que os benefícios cancelados somente poderão ser reativados após o comparecimento do beneficiário em uma da agência do INSS. Para normalizar os pagamentos, o segurado deverá comparecer à agência munido do cartão do benefício, CPF, carteira de identidade e comprovante de residência.

A suspensão faz parte das medidas de gestão adotadas para conter o crescente déficit do INSS. No ano passado, esse saldo negativo foi de R$ 42 bilhões, devendo subir para R$ 47 bilhões este ano.

A fim de conter o déficit, o INSS iniciou o Censo Previdenciário, que se destina a atualizar o cadastro dos beneficiários e identificar fraudes, como o pagamento indevido de benefícios. Antes de anular os pagamentos suspeitos, o INSS convocou 31.332 beneficiários, mas somente 285 responderam ao chamado.

Ainda de acordo com o Ministério da Previdência, também nesta segunda-feira o INSS suspende 93.708 benefícios com remuneração final 8. Também nesse caso, segurados que receberam carta em janeiro de 2007 não compareceram às agências do instituto. De acordo com a previdência, a economia mensal com esses cancelamentos é de R$ 5 milhões.