Notícias


Governo estuda reajuste de até 10% no IR

Brasília, 14 de Novembro de 2006 – Medida tenta compensar perdas da classe média; salário isento pode ir a R$ 1.382,83. Para compensar as perdas econômicas da classe média nos últimos anos, o governo autorizou o relator do Orçamento da União de 2007, senador Valdir Raupp (PMDB-RO), a realizar estudos para corrigir a tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física.

O parlamentar adiantou a este jornal que trabalha com dois cenários. Um deles prevê correção de 10%. O outro percentual em estudo no Congresso é de 7,6%, que corresponde à defasagem de correção acumulada no primeiro mandato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Segundo o senador Valdir Raupp, o impacto nas contas da União, estados e municípios será de R$ 1,6 bilhão ou R$ 2 bilhões, dependendo de qual reajuste for adotado. Se a correção aprovada for de 7,6%, o limite de isenção passará para R$ 1.352,66. Caso a atualização seja de 10%, o teto subirá para R$ 1.382,83. Hoje, é de R$ 1.257,12.

Página A-9 (Gazeta Mercantil/1ª Página – Pág. 1)(Valderez Caetano e Karla Correia)