Notícias


Fundo de Garantia arrecada R$ 2,74 bilhões em janeiro

R7

Valor representa aumento de 18% na comparação com o mesmo mês do ano passado

O MTE (Ministério do Trabalho e Emprego) anunciou nesta quinta-feira (3) que o FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) arrecadou R$ 2,74 bilhões em janeiro. O número representa um aumento de 18,07% em relação ao mesmo mês de 2010.

O FGTS é um fundo do governo federal que serve para amparar o trabalhador brasileiro demitido sem justa causa. O dinheiro vem das empresas, que depositam o equivalente a 8% do salário dos trabalhadores em contas da Caixa Econômica Federal.

A grana também pode ser sacada em caso de aposentadoria ou grandes catástrofes, como as enchentes que atingiram o Rio de Janeiro no início do ano. Além disso, o contribuinte pode usar o dinheiro para pagar total ou parcialmente a casa própria.

Saques

Em janeiro de 2011, o total de saques foi de R$ 3,95 bilhões, valor 15,99% superior ao registrado no mesmo mês em 2010. Segundo o MTE, o principal motivo dos saques foram as demissões sem justa causa, que responderam por R$ 2,34 bilhões do total – número 10,87% maior que o de janeiro do ano passado.

O segundo motivo dos saques foram as aposentadorias, com um total de R$ 680,36 milhões. Depois, aparece o uso da grana para comprar a moradia própria, com 573,45 milhões. Os saques por conta de desastres naturais somaram R$ 27,76 milhões.

O Ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, explicou a importância do FGTS para o trabalhador e para a sociedade brasileira.

– O fundo ajuda o trabalhador na hora em que ele mais precisa, como para comprar uma casa ou quando acontecem situações de calamidade como a ocorrida recentemente no Rio de Janeiro. Além de promover os investimentos necessários para o desenvolvimento do nosso país ele é um socorro para o trabalhador.