Logo Leandro e CIA

Empresas procuram mais executivos para área contábil

Publicado em:

Portal Fenacon

Valor Econômico

Levantamento mostra que companhias no Brasil estão dispostas a incrementar seus departamentos financeiros nos próximos seis meses.

Por Vívian Soares

As empresas no Brasil devem contratar mais profissionais para as áreas de finanças e contabilidade nos próximos seis meses. A constatação é de uma pesquisa realizada pela empresa de recrutamento Robert Half com aproximadamente 1900 gestores responsáveis pela contratação de executivos em dez países. Segundo o levantamento, 36% das companhias pretendem aumentar suas equipes no país. Dubai e Itália dividem o segundo lugar do levantamento com 26% das intenções.

A pesquisa apontou ainda que na Europa a tendência é enxugar os times de finanças e contabilidade. É o caso da Holanda e da França- 21% dos entrevistados pretendem reduzir suas equipes nos próximos meses, o maior índice registrado entre os países participantes.

No Brasil, o principal motivo para que as empresas aumentem as contratações é o crescimento dos negócios – razão apontada por 62% dos entrevistados. De acordo com a especialista em recrutamento da Robert Half Marcela Esteves, este não é, entretanto, o único motivo. A demanda por executivos de finanças e contabilidade é impulsionada também pela entrada de empresas internacionais no país- elas buscam profissionais que, além de entender o sistema fiscal e tributário brasileiro, sejam responsáveis pelas primeiras ações dessas companhias no mercado local. "Normalmente são empresas que, antes de pensar em uma estrutura organizacional, buscam os executivos da área financeira. Isso porque eles organizam contratos, negociam com bancos e lidam com fornecedores, por exemplo".

Os contadores serão os mais disputados pelas empresas nos próximos seis meses – 39% dos gestores pretendem contratar profissionais para essa área no Brasil (ver quadro ao lado). Os setores de análises financeiras e crédito e cobrança também estão entre os que devem expandir suas equipes nos primeiros meses de 2011. Segundo Marcela, a área de contabilidade está se tornando estratégica nas empresas nos últimos anos. "São executivos que estão migrando de uma função estritamente técnica para um perfil de integração com todas as áreas da empresa."

O contador, segundo a especialista, é uma peça-chave também para empresas que estão iniciando as operações no país. "Como o Brasil é muito complexo em termos fiscais e tributários, os profissionais dessa área têm bastante trabalho em explicar para os estrangeiros a alta carga de impostos e a exigência tão grande de controles, por exemplo", afirma.

A pesquisa finalizada em outubro de 2010 ouviu gestores de empresas na Áustria, Bélgica, Brasil, Dubai, França, Alemanha, Itália, Luxemburgo, Suíça e Holanda.

Abrir o chat
Precisa de ajuda?
Olá, como podemos lhe ajudar hoje?
%d blogueiros gostam disto: