Notícias


Crise financeira internacional colabora para redução da dívida pública no Brasil, diz Meirelles

AGENCIA BRASIL

Vinicius Konchinski
Repórter da Agência Brasil

São Paulo – O presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, afirmou hoje (20), em São Paulo, que a crise financeira internacional tem colaborado para a redução da dívida pública no Brasil.

Segundo ele, apesar das turbulências comprometerem o crédito e o comércio exterior, a crise causou a alta na cotação do dólar, o que reduziu a relação dívida/PIB (Produto Interno Bruto, a soma das riquezas produzidas no país).

“O Tesouro Nacional é um credor em dólares, o que faz com que ocorra uma redução na relação dívida/PIB com depreciação do real, ao contrário do que ocorria no passado. Isso faz com que as contas públicas sejam um estabilizador da crise”, disse, ao participar da cerimônia de posse da diretoria da Associação Nacional de Bancos de Investimento (Anbid).

De acordo com Meirelles, a cada 10% de depreciação do real, a relação dívida/PIB cai 1,1 ponto percentual.