Notícias


Contribuintes da Paraíba vão ter acesso ao GNRE Online

Notícias Secretaria Executiva da Receita do Estado da Paraíba

Os contribuintes da Paraíba terão acesso à versão eletrônica da Guia Nacional de Recolhimento de Receitas Estaduais, mais conhecida como GNRE Online. Representantes do Grupo de Trabalho da Arrecadação de Tributos (GT-53), ligados ao Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária), que participaram de uma reunião em João Pessoa, homologaram o Estado no modelo eletrônico, após aprovarem os testes da Gerência de Tecnologia da Secretaria Executiva da Receita.

A Secretaria deverá entrar em produção da GNRE online até o início do mês de abril em substituição ao modelo off-line, atualmente em vigor. O diretor de Administração da Secretaria Executiva da Receita, Leonilson Lins, disse que a adesão do Estado é um avanço nos serviços de automação, pois vai proporcionar agilidade e facilidade para os contribuintes que efetuam operações interestaduais de produtos incluídos no regime de Substituição Tributária, além de garantir mecanismos de eficiência e de controle ao Fisco Estadual.

"A gerência vai disponibilizar na página da Receita Estadual um link que será redirecionado ao Portal Nacional da GNRE, no qual as informações serão preenchidas e os dados serão validados à medida que as informações forem digitadas, garantindo um atendimento rápido e transparente", explicou Leonilson.

Já o gerente de Arrecadação da Secretaria Executiva da Receita, José Flávio Dias da Costa, destacou a rapidez de consultas com a GNRE Online para os auditores nos postos fiscais. "O tempo de resposta para algumas consultas nos postos como, por exemplo, número de inscrição do contribuinte ou se as guias sem pendências nos postos será de apenas três segundos. Não temos dúvida de que com a GNRE online vamos ganhar em eficiência e reduzir as inconsistências do atual modelo que trabalha em off line", frisou.

Utilizado para o recolhimento de imposto no modelo de Substituição Tributária, o objetivo do sistema da GNRE online é facilitar a emissão e melhorar a qualidade e o armazenamento das informações dos dados da arrecadação dos contribuintes, desde a sua emissão até o recebimento da prestação de contas, via bancos conveniados com a Secretaria. A homologação do Estado da Paraíba aconteceu durante o encontro do Sub GT-53 Arrecadação de Tributos, promovido pela Escola de Administração Tributária (Esat)na capital paraibana.