Notícias


Com menos álcool na gasolina, governo fatura R$ 600 mi a mais

Fonte: Investnews

A redução de 25% para 20% da mistura de álcool na gasolina aumentou a arrecadação de impostos pelo governo em R$ 600 milhões. Isso porque o álcool anidro é isento de impostos como o Cide e o PIS/COFINS, e os 5% a menos na mistura acabam sendo taxados.

Com a medida da redução, o governo federal arrecada R$ 0,03 a mais por litro, conforme dados levantados pela Fecombustíveis. Com isso, a Petrobras deve ter um faturamento adicional de R$ 171 milhões ao ano.

“Ganhou o governo porque a arrecadação extra é de R$ 600 milhões, ganha a Petrobras porque vende mais gasolina e ganha o usineiro, que pode exportar seu produto. Quem perde é o consumidor”, disse o diretor técnico da Fecombustíveis, Aldo Guarda.

O aumento na gasolina, segundo a entidade, é entre R$ 0,02 e R$ 0,025 no Brasil. Em São Paulo, a cobrança do ICMS, eleva o preço em até R$ 0,06.