Notícias


Com lei seca, álcool nos postos passará a se chamar etanol

Folha Online

CIRILO JUNIOR
da Folha Online, no Rio

A ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis) decidiu que o álcool combustível terá sua nomenclatura alterada. Nas próximas semanas, a autarquia determinará que postos e demais revendedores utilizem nas bombas o termo etanol.

O pleito é da Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar), que alega que o novo bordão da campanha da Lei Seca "álcool e direção não combinam", confunde a cabeça do consumidor e pode prejudicar as vendas do combustível,

"Nós evoluímos para isso mesmo. Se estamos tentando padronizar a especificação do álcool no mundo inteiro, é natural que se faça a mudança. Em 15 dias estará resolvido", afirmou o superintendente de abastecimento da ANP, Édson Silva.

O balanço de combustíveis da agência mostra que as exportações de álcool cresceram 27,2% no primeiro semestre deste ano, na comparação com igual período em 2007. Silva ressaltou que esse fato não prejudicou o abastecimento do mercado interno, e tampouco o preço do produto, que caiu 12,1% no período, nos postos de combustíveis.

"Seria um tiro no pé dos produtores vender para o exterior um produto que está em falta aqui. Quem iria querer comprar?", disse Silva, ao destacar que o não há risco de faltar álcool no mercado interno.