Notícias


CNT/Sensus: 53,9% são contra nova CPMF

O novo tributo está em discussão na Câmara dos Deputados.
Agência Estado
BRASÍLIA-Mais da metade da população entrevistada na pesquisa CNT/Sensus divulgada hoje afirmou ser contra a criação da Contribuição Social para a Saúde (CSS), que visa ressuscitar a antiga Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF).
De acordo com o levantamento, 53,9% declararam-se contra o novo tributo, que está em discussão na Câmara dos Deputados. Já 37,1% dos entrevistados se manifestaram favoravelmente.