Notícias


CNI/Ibope: 82% dão importância à reforma tributária

Pesquisa CNI/Ibope divulgada hoje (27) revela que a reforma tributária é considerada “muito importante” ou “importante” por 82% dos brasileiros.

A pesquisa, que tem uma margem de erro de dois pontos percentuais para mais ou para menos, fez a seguinte indagação aos 2.002 entrevistados, em 141 municípios: “O Congresso Nacional começou a analisar uma proposta de reforma tributária enviada pelo governo do presidente Lula. Na sua opinião, a realização de uma reforma no sistema de pagamento de impostos é: muito importante, importante, pouco importante ou nada importante”.

Para 35% dos brasileiros, o tema é muito importante. Para 47%, importante. Por sua vez, 9% dos entrevistados avaliaram o tema como pouco importante. Outros 4% consideraram que o tema é nada importante, e 5% não souberam ou não quiseram opinar.

A pesquisa também aponta que 32% dos brasileiros consideram que a reforma no sistema de cobrança de impostos vai contribuir para acelerar o crescimento econômico. Já 40% dos entrevistados acreditam que o ritmo de crescimento da economia não vai se alterar. Outros 14% temem que a reforma tributária represente algum risco de retração na economia.

Em relação à geração de empregos, 35% afirmam que a reforma acarretará em um aumento no número de vagas; 35% acham que a oferta continuará no mesmo nível e 18% acreditam que a aprovação da proposta poderá resultar em aumento do desemprego.

Questionados se a reforma tributária resultaria em um aumento na quantidade de impostos, 31% afirmam que os brasileiros pagarão menos impostos com a reforma, 25% acreditam que haverá elevação da carga tributária. Por sua vez, 32% avaliam que o valor dos impostos não sofrerá qualquer alteração. (Rodolfo Torres)