Notícias


Caixa pode cortar ainda mais as taxas de juros

R7

Desde abril, banco vem cortando taxas de algumas linhas de crédito

Amanda Mont’Alvão Veloso, do R7

A Caixa Econômica Federal não descarta novas reduções nos juros cobrados em suas linhas de crédito, informou nesta sexta-feira (18) o presidente da instituição financeira, Jorge Hereda, durante a abertura do oitavo Feirão da Casa Própria em São Paulo.

—Uma nova redução das taxas será feita sempre que possível, quando os juros básicos caírem e na medida em que nossos custos administrativos forem reduzidos. Queremos repassar essas diminuições aos nossos clientes sempre.

Desde abril,o banco vem cortando as taxas de algumas linhas de financiamento, como o crédito para a compra de veículos, para a construção civil (Construcard) e o cheque especial, cuja taxa recuou 45% de abril para março.

Os cortes estão alinhados à política do governo federal de facilitar o acesso ao crédito entre os brasileiros e, consequentemente, ampliar o consumo.

O Banco do Brasil foi a primeira instituição financeira a rever as taxas praticadas, seguido pela Caixa e pelos bancos privados HSBC, Santander, Itaú Unibanco e Bradesco.

O Feirão da Casa Própria vai até domingo (20) em São Paulo e tem quase 200 mil imóveis à venda, com preços que vão de R$ 82 mil a R$ 2,95 milhões no caso de casas e apartamentos novos.

Veja as novas taxas de juros cobradas pelos bancos brasileiros*
Após apelo do governo, crédito para empresas e correntistas está mais barato
Nova taxa de juros Nova taxa de juros
Crédito Consignado do INSS
Cartões de Crédito**
Financiamento de Veículos
Cheque Especial**
a partir de 0,79%
a partir de 2,94%
a partir de 0,95%
3,94%
Crédito Consignado do INSS
Cartões de Crédito
Financiamento de Veículos
Cheque Especial
de 0,75% a 1,77%
de 2.85%** a 9.47%
de 0,89% a 1,26%
de 1,35% a 4,27%
Nova taxa de juros Nova taxa de juros
Crédito Pessoal
Crédito Consignado
Financiamento de Veículos
Cheque Especial
de 1.99% a 5.93%
de 0.99% a 4.7%
de 0.98% a 2.55%
de 1.39% a 9.98%
Giro de Cartões
Duplicatas
Recebíveis de cartões
Cheques
de 1,54% a 3,12%
de 1,99% a 2,97%
de 1,5% a 2%
de 1,87% a 2,49%
Nova taxa de juros Nova taxa de juros
Crédito Pessoal
Crédito Consignadodo INSS
Cartões de Crédito
Financiamento de Veículos
Crédito para compra de bens (CDC)
Cheque Especial
até 4,70%
a partir de 0,9%

a partir de 2,49%
a partir de 0,97%
a partir de 2,97%

até 4,70%

Crédito Pessoal**
Crédito Consignado do INSS**
Cartões de Crédito**
Financiamento de Veículos**
Cheque Especial**
Cheque Especial para empresas
Capital de Giro (empresas)
Desconto de duplicatas e cheques (empresas)
Recebíveis de cartões (empresas)
de 1,99% a 4,94%
de 0,89% a 2,20%
de 3,85% a 9,90%
de0,99% a 2,39%
de 3,50% a 4,94%
a partir de 1,95%
a partir de 1,14%

a partir de 1,29%

a partir de 1,05%

Dicas para pagar menos juros
1º – Fale com o gerente e pergunte sobre as menores taxas. Nem sempre o banco enquadra o cliente automaticamente na nova linha de crédito
2º – Caso seu banco não ofereça taxa satisfatória, procure outros bancos e pesquise as taxas de juros
3º – A taxa de juro varia de cliente para cliente. Para decidir a taxa, o banco leva em conta fatores como tempo de relacionamento e forma de uso do crédito