Notícias


Álcool dispara na bomba e já chega a R$ 2 em São Paulo

CLARICE SPITZ
da Folha Online

No dia em que o percentual de álcool anidro na gasolina mudou de 25% para 20% com o objetivo de frear a escalada dos preços, os postos aproveitaram para reajustar os combustíveis.

O paulistano já paga até R$ 1,999 para abastecer com álcool e até R$ 2,69 pelo litro de gasolina, segundo levantamento de preços feito pela Folha Online em 20 postos da cidade.

Entre os postos da zonas central, oeste e norte da capital incluídos na pesquisa, 17 já tinham aumentado o preço da gasolina e 18 o preço do álcool.

O posto Rip, localizado no centro, aumentou o preço do álcool hidratado de R$ 1,799 para R$ 1,999 por litro entre a última sexta-feira e hoje, o que representa uma alta de 11,12%. Trata-se do maior preço encontrado pela Folha Online nesses 20 postos.

Já maior alta foi encontrada no Auto Posto Marini. O preço do álcool nesse estabelecimento subiu R$ 0,25, de R$ 1,499 para R$ 1,749.

A gasolina mais cara foi encontrada pela Folha Online nos postos Baronesa (Higienópolis) e Veiga Filho, onde o preço do litro subiu R$ 0,10 alcançou R$ 2,699. A maior alta, de R$ 0,159, no entanto, foi encontrada no Posto de Serviços Pátio Higienópolis (Higienópolis), onde esse combustível subiu de R$ 2,49 para R$ 2,649.

Desde o final da semana passada, o presidente do Sincopetro (Sindicato do Comércio Varejista de Derivado de Petróleo do Estado de São Paulo), José Alberto Paiva Gouvêia, previa uma alta média de R$ 0,20 para o litro do álcool e de R$ 0,09 para a gasolina a partir de hoje.

A alta aconteceu devido à disparada do preço do álcool nas usinas. Segundo o Cepea-USP (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), o preço do anidro passou de R$ 1,07279 para R$ 1,14934 (sem impostos) na semana passada. Já o hidratado foi comercializado a R$ 1,15300, depois de ser vendido a R$ 1,07213 na semana retrasada.

Além disso, a redução da mistura de álcool anidro na gasolina de 25% para 20% da mistura também contribuiu para encarecer a gasolina.

“Não temos como segurar nada. Se o preço da gasolina ainda não subiu em alguns postos deve aumentar ao longo da semana”, afirmou Gouvêia.

Veja abaixo os preços cobrados na capital paulista:

Álcool

1) Posto São João (avenida São João, 1.680): subiu de R$ 1,499 para R$ 1,69;

2) Posto Sistema Auto Posto (avenida Angélica, 197): subiu de R$ 1,499 para R$ 1,69;

3) Posto Jaguaribe (rua Jaguaribe, 405): subiu de R$ 1,47 para R$ 1,59;

4) Auto Posto Toulouse (rua Lopes Chaves, 522): manteve-se em R$ 1,599;

5) Bridge Serviços Automotivos (avenida Inajar de Souza, 40): subiu de R$ 1,469 para R$ 1,63;

6) Auto Posto San Martin (avenida General Olímpio da Silveira, 324): subiu de R$ 1,479 para R$ 1,54;

7) Anielo DAmaro (avenida Inajar de Souza, 93): subiu de R$ 1,469 para R$ 1,63;

8) Auto Posto Alpha (rua Zanzibar, 80): subiu de R$ 1,499 para R$ 1,699;

9) Posto de Serviços São Paulo 2 Ltda (avenida Professor Celestino Bourroul, 503): subiu de R$ 1,569 para R$ 1,59;

10) Auto Posto Marini (rua Inajar de Souza, 550): subiu de R$ 1,499 para R$ 1,749;

11) Posto Marechal (avenida São João, 2.167): subiu de R$ 1,459 para R$ 1,65;

12) Generalle Auto Posto (avenida General Olímpio da Silveira, 309): subiu de R$ 1,549 para R$ 1,69;

13) Auto Posto Verdes Mares (avenida Thomas Edson, 700): subiu de R$ 1,470 para R$ 1,59;

14) Auto Posto Memorial (rua Margarida, 357): subiu de R$ 1,59 para R$ 1,69;

15) Missiany Freire Figueiredo (avenida General Olímpio da Silveira, 105): subiu de R$ 1,699 para R$ 1,879;

16) Auto Posto HD (rua Apa, 140): subiu de R$ 1,59 para R$ 1,79;

17) Posto de Serviços Pátio Higienópolis (rua Jaguaribe, 649): subiu de R$ 1,699 para R$ 1,799;

18) Rip Posto de Serviços e Comércio (rua Rêgo Freitas, 47): subiu de R$ 1,799 para R$ 1,99;

19) Auto Posto Baronesa (avenida Angélica, 806): subiu de R$ 1,699 para R$ 1,89;

20) Auto Posto Veiga Filho (rua Conselheiro Brotero, 1.469): subiu de R$ 1,699 para R$ 1,899.

Gasolina:

1) Posto São João (avenida São João, 1.680): subiu de R$ 2,199 para R$ 2,29;

2) Posto Sistema Auto Posto (avenida Angélica, 197): subiu de R$ 2,199 para R$ 2,29;

3) Posto Jaguaribe (rua Jaguaribe, 405): subiu de R$ 2,269 para R$ 2,39;

4) Auto Posto Toulouse (rua Lopes Chaves, 522): manteve-se em R$ 2,279;

5) Bridge Serviços Automotivos (avenida Inajar de Souza, 40): subiu de R$ 2,279 para R$ 2,32;

6) Auto Posto San Martin (avenida General Olímpio da Silveira, 324): manteve-se em R$ 2,279;

7) Anielo DAmaro (avenida Inajar de Souza, 93): subiu de R$ 2,29 para R$ 2,32;

8) Auto Posto Alpha (rua Zanzibar, 80): subiu de R$ 2,29 para R$ 2,33;

9) Posto de Serviços São Paulo 2 Ltda (avenida Professor Celestino Bourroul, 503): subiu de R$ 2,29 para R$ 2,32;

10) Auto Posto Marini (rua Inajar de Souza, 550): subiu de R$ 2,29 para R$ 2,42;

11) Posto Marechal (avenida São João, 2.167): subiu de R$ 2,29 para R$ 2,39;

12) Generalle Auto Posto (avenida General Olímpio da Silveira, 309): subiu de R$ 2,349 para R$ 2,49;

13) Auto Posto Verdes Mares (avenida Thomas Edson, 700): manteve-se em R$ 2,35;

14) Auto Posto Memorial (rua Margarida, 357): subiu de R$ 2,39 para R$ 2,49;

15) Missiany Freire Figueiredo (avenida General Olímpio da Silveira, 105): subiu de R$ 2,399 para R$ 2,499;

16) Auto Posto HD (rua Apa, 140): subiu de R$ 2,45 para R$ 2,49;

17) Posto de Serviços Pátio Higienópolis (rua Jaguaribe, 649): subiu de R$ 2,49 para R$ 2,649;

18) Rip Posto de Serviços e Comércio (rua Rêgo Freitas, 47): subiu de R$ 2,529 para R$ 2,649;

19) Auto Posto Baronesa (avenida Angélica, 806): subiu de R$ 2,599 para R$ 2,699;

20) Auto Posto Veiga Filho (rua Conselheiro Brotero, 1.469): subiu de R$ 2,599 para R$ 2,699.