Notícias


2,5 milhões vão entregar IR no último dia

Prazo termina hoje às 23h59min59s; entrega com atraso terá multa e só poderá ser feita a partir de segunda-feira, às 9h

Após a meia-noite, sistema de recepção das declarações será desativado; entrega com atraso terá de ser feita com uso de novo programa

MARCOS CÉZARI
DA REPORTAGEM LOCAL

Hoje, às 23h59min59s (horário de Brasília), termina o prazo para que os contribuintes entreguem, pela internet, as declarações do IR deste ano à Receita. Segundo estimativa de Joaquim Adir, supervisor nacional do IR, cerca de 2,5 milhões de contribuintes deixaram para prestar contas hoje.
Até as 17h de ontem, 20,7 milhões de declarações já tinham sido entregues. Adir previa que esse número fosse chegar a 21,5 milhões ontem à noite -a Receita Federal prevê receber 24 milhões de declarações.

A multa para quem não cumprir o prazo é de 1% ao mês sobre o IR devido. A multa mínima é de R$ 165,74; a máxima, de 20%. Se não houver imposto devido, a multa é de R$ 165,74.

Mesmo que o imposto devido já tenha sido pago durante o ano passado, é sobre ele que incidirá a multa para quem entregar com atraso. Para o contribuinte entender esse cálculo: quem tem imposto devido de até R$ 16.574 pagará R$ 165,74 (o 1% do imposto devido). Se o imposto devido for de R$ 20 mil, a multa será de R$ 200. Detalhe importante: esses valores são para quem entregar com atraso em maio; entrega em junho terá multa dobrada.

Quem entregar em disquete terá de ir a uma agência do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal. Mas a entrega terá de ser feita durante o horário de atendimento ao público -em geral, até as 16h. Quem usar formulário terá de entregá-lo nas agências dos Correios. Ao custo de R$ 5, as agências atenderão os contribuintes durante o horário comercial -em geral, até as 17h.

Na 2ª, novo programa

Quem ainda tiver imposto a pagar poderá quitá-lo em até oito parcelas -deste mês a novembro. A primeira cota -ou única- tem de ser paga hoje. Nenhuma parcela pode ser inferior a R$ 50. Se o imposto devido for de até R$ 99,99, terá de ser pago hoje, de uma só vez.

A partir da meia-noite de hoje, a Receita Federal desliga o sistema de recepção das declarações. Quem quiser entregar após esse horário e no final de semana não conseguirá enviar as informações.

Quem for entregar com atraso não deve perder tempo amanhã e domingo fazendo a declaração. É que será preciso baixar um novo programa. E ele só estará disponível na manhã de segunda-feira. O Receitanet, para enviar a declaração, não muda.

Em média, 600 mil contribuintes entregam declarações com atraso todos os anos, segundo Adir. Mesmo com a multa mínima, a Receita arrecada ao menos R$ 100 milhões apenas com os retardatários.

Receita apura fraude de R$ 100 mi

DA SUCURSAL DE BRASÍLIA

A Receita apreendeu ontem documentos e computadores em três escritórios de contabilidade de Brasília suspeitos de comandar esquema que fraudou a declaração de IR de 500 pessoas por pelo menos cinco anos.

Os contribuintes declararam despesas médicas e com previdência privada muito altas e grande número de dependentes, gerando restituições de até R$ 50 mil. De acordo com a Receita Federal, a operação Risco Duplo será estendida para outros Estados nos próximos dias.

"A impunidade tem que ser combatida e essas operações servem para mostrar que estamos atentos e presentes", afirmou o subsecretário de Fiscalização, Marcos Vinicius Neder.

Cada contribuinte terá que pagar o imposto que deixou de recolher -ou a restituição recebida indevidamente- mais juros e multa de 150%. A Receita estima arrecadar R$ 100 milhões com as autuações. Quem se recusar a pagar poderá ser processado por crime contra a ordem tributária e condenado a até cinco anos de prisão.